A Carregar...

ERASMUS+

O que é?

ERASMUS+ é um programa de mobilidade que possibilita aos estudantes do ensino superior realizar um período de estudos numa Instituição de Ensino Superior Europeia com a qual a UBI tem um protocolo de cooperação assinado.

Para já, no curso de Medicina da UBI, apenas se pode ingressar neste programa a partir do 4º ano, estando a ser trabalhada a possibilidade de alargar aos 2º e 3º anos.

Atualmente, existem diversos acordos com faculdades estrangeiras.

As candidaturas para o ano letivo 2020/2021 irão decorrer durante o mês de fevereiro de 2020.

Os testes de línguas também ser irão realizar em meados do mês de fevereiro de 2020.

Deverão ser consultadas as informações disponíveis nas páginas de 4º, 5º e 6º anos na Intranet, na Norma sobre Programas de Mobilidade.

O QUE É NECESSÁRIO?

Antes Da Estadia Na Instituição de Acolhimento
Apoio Linguístico

Antes e no fim da mobilidade, todos os alunos têm de obrigatoriamente de realizar um teste inicial e final de avaliação da competência linguística. Este teste é obrigatório para todos os estudantes que realizem atividades de mobilidade cuja principal língua de estudos ou de trabalho seja uma das 18 línguas disponíveis: Inglês, Francês, Alemão, Italiano, Espanhol, Eslovaco, Búlgaro, Croata, Húngaro, Holandês, Polaco, Checo, Dinamarquês, Grego, Romeno, Português, Finlandês e Sueco.

O Curso de Língua é obrigatório para todos os estudantes que obtiveram no teste de avaliação inicial, nota B1 ou inferior a B1.

No entanto, se houver alunos com nota superior a B1, poderão frequentar também o curso (é opcional). Têm de solicitar a licença para o curso ao GISP enviando um email para erasmus.[email protected].

O Teste Final de Avaliação da competência linguística realizado no fim da mobilidade é também obrigatório.

Bolsa

O estudante receberá uma bolsa comunitária, consoante o país de destino, de acordo com os grupos de países definidos pela UE:

Grupo 1: Dinamarca, Finlândia, Irlanda, Islândia, Liechtenstein, Luxemburgo, Noruega, Reino Unido, Suécia --> 390 EUR

Grupo 2: Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Espanha, França, Grécia, Itália, Malta, Países Baixos, Portugal --> 340 EUR

Grupo 3: Bulgária, Croácia, Eslováquia, Eslovénia, Estónia, Hungria, Letónia, Lituânia, Polónia, República Checa, Macedónia do Norte, Roménia, Sérvia, Turquia --> 290 EUR

No caso, em que já não haja verba para atribuição de bolsas, ao participante poderá ser-lhe atribuída uma “bolsa 0”.

A bolsa Erasmus destina-se a compensar o diferencial do nível/custo de vida entre os países participantes no programa e não a custear a totalidade das despesas em que o estudante venha a incorrer.

Seguro

Todos os estudantes que participam no programa beneficiam do seguro escolar da UBI durante o período de mobilidade. No entanto, recomenda-se a contratação de um seguro para danos de carácter pessoal (fora do local de ensino/trabalho) durante o período de mobilidade.

Documentação a entregar no GISP

O formulário de candidatura está disponível no Balcão Virtual, onde se deve proceder ao preenchimento do Student Application Form, Learning Agreement for Studies, Plano de Estudos Equivalente e Transcript of Records.

Devem ainda ser entregues comprovativo de matrícula, número de identificação bancária (NIB e IBAN), duas fotografias tipo passe, número do cartão de cidadão/passaporte, comprovativo de cartão europeu de saúde.

A leitura do Regulamento Erasmus+ disponível na página do GISP é obrigatória.

Contrato e Registo

O Contrato é facultado pelo GISP aos estudantes e nele constam as obrigações das partes envolvidas, bem como o financiamento Erasmus+ atribuído.

Todos os estudantes candidatos têm de se registar na plataforma da UBI para terem estatuto de “bolseiros”: https://registo.ubi.pt/Login.aspx. O registo é obrigatório para alunos contemplados com bolsa Erasmus.

PS: Os alunos só devem comprar o bilhete de ida após receberem a carta de aceitação da Universidade de destino.

Só devem comprar o bilhete de ida após receberem a carta de aceitação da Universidade de destino.

Durante a Estadia na Instituição de Acolhimento
  1. Preenchimento e envio da Declaração Estadia
  2. À chegada na Instituição de Acolhimento, o aluno deverá, no prazo de 1 mês, preencher a declaração de estadia com a data de chegada e enviar cópia do documento para o email: [email protected] após a assinatura e carimbo pelo responsável na Instituição de Acolhimento.

    O original do documento tem de ser conservado durante toda a estadia do estudante.

  3. Learning Agreement
  4. Qualquer alteração feita ao plano de estudos terá que ser comunicada ao Coordenador de Mobilidade. A alteração é feita na plataforma de mobilidade através do Balcão Virtual nos documentos "Learning Agreement - Alterado" e "Plano de Estudos Equivalente - alterado".

    Os documentos têm obrigatoriamente de ser impressos e entregues assinados no Gabinete de Internacionalização e Saídas Profissionais.
    O prazo limite para a alteração do plano é de 1 mês após a chegada (31/10/2019 - alunos que se encontram a realizar o 1º semestre e 30/03/2020 - alunos que se encontram a realizar o 2º semestre).

  5. Prolongamentos
  6. Todos os estudantes que pretendam prolongar o seu período de estudos para 2º semestre têm de obrigatoriamente de formalizar o seu pedido até ao dia 30 de novembro de 2019. Deverão sempre solicitar autorização ao Coordenador de Mobilidade da UBI para efetivarem o prolongamento.

    A Universidade de acolhimento tem sempre de emitir uma declaração a autorizar o prolongamento para 2º semestre. Esta declaração tem de ser enviada pelo estudante ao GISP através de email ([email protected]). Após o dia 30 de novembro de 2019, não se aceitam pedidos de prolongamento.

    Os prolongamentos apenas se aplicam do 1º para 2º semestre dentro do mesmo ano letivo.

No final da mobilidade
  1. Declaração de estadia
  2. O estudante deverá preencher o documento com a data de fim de mobilidade e enviar para [email protected].

    É condição obrigatória a entrega do documento original, no Gabinete de Internacionalização e Saídas Profissionais.

  3. Transcript of records
  4. O Transcript of Records é um documento da universidade de acolhimento onde constam todas as unidades curriculares frequentadas e os respetivos créditos ECTS obtidos.

    Recomenda-se a entrega do documento original no GISP.

  5. Relatório final
  6. O estudante irá receber no seu e-mail um login e uma password para preencher on-line na plataforma Mobility Tool, o seu relatório final de mobilidade.

    O aluno terá 15 dias para submeter o Relatório disponibilizado pela Agência Nacional Erasmus+. Após a submissão, receberá um correio eletrónico a confirmar o envio do relatório.

Testemunhos

Sempre tive curiosidade de saber como seria o meu desempenho num método de ensino clássico, principalmente para desmistificar algumas ideias que tinha criado. Estudar em Salamanca deu-me a oportunidade de compreender que os conhecimentos que se adquirem e os resultados que obtêm dependem   mais do nosso esforço pessoal do que propriamente do local onde os estes conhecimentos são transmitidos. Esta noção proativa na minha própria formação deu mais sentido a este intercâmbio.

Ana Rita Delgado ─ ─ Estudante da FCS-UBI
Left Menu Icon